A Garota do Calendário- Fevereiro de Audrey Carlan

Como entramos para o time de MIA,  fiquei curiosa com a sua história, priorizar a saúde e o bem estar do pai e abrir mão de si mesma por essa causa é bem forte.. Primeiramente vamos considerar esse livro um dos lidos em Março, pois só agora consegui fazer a resenha.. então vamos ver o que nos espera nesse mês..FEVEREIRO
Mia sai do mês de janeiro, bem ciente de sua situação, seu pai ainda não melhorará, a dívida com o agiota já começou a ser paga, sua irmã já se encontra em uma posição melhor na faculdade e seu coração está rodeado de dúvidas, anteriormente conhecemos o seu primeiro cliente WES, que a fez entrar em uma grande roda gigante de sentimentos, amar ou não ama-lo?.. No meio dessa confusão seu segundo cliente ALEC DUBOIS ..surgiu e com ele, mas um turbilhão de problemas, sensações, "taradisses" e inconvenientes.. e a grande pergunta de Mia .. é traição ou não é? Vamos confirma juntos essa história..

SINOPSE..
Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato.
A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil.  Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser..
Em fevereiro, Mia vai passar o mês em Seattle com Alec Dubois, um excêntrico artista francês. No papel de musa, ela vai embarcar em uma jornada de descobertas sexuais e lições sobre o amor e a vida que permanecerão com ela para sempre.


Alec Dubois é um artista francês que solicitou MIA para ser sua MUSA.. mesmo sendo muito egocêntrico em seu modo de vida, demonstrou ser um homem que verdadeiramente sabe o que é AMAR, no mês que se seguiu tentou ensinar nossa protagonista esse seu dom de amar plenamente, mesmo utilizando seu grane charme e seu poder sexual.. Mia conseguiu ver o que estava fazendo consigo mesma.. Ajudando os outros e abrindo mão de si mesma.. não se amando .. 

Outro ponto além do extravagante Artista francês, foi a grande guerra de sentimentos que a Mia estava tento, havia descoberto que amava WES,mesmo ambos confirmando que era apenas uma "AMIZADE", mas não sabia se o que estava rolando com o Alec seria traição ou não.. Particularmente eu fiquei meio mal com isso.. logo de cara já rolar muita sacanagem mesmo ela se declarando amar outro..mas lá pelo meio do livro ela responde ao que eu estava sentindo ..quando diz assim “Vagabunda, talvez. Prostituta, não.” 

É muito contradição que Mia nos passa, uma hora ela faz onda para não ser titulada prostituta e no momento seguinte o cara pisca e ela arreia a calcinha, por um momento pensei em odiar o livro de FEVEREIRO, pelo fato de ela agir de maneira tão promiscua, tão vadia mesmo (desculpe-me os palavreados) mas depois o olhei com outros olhos.. ainda é cedo para julgar a protagonista e sei que poderia agir como ela, nessa situação ... sozinha, linda e desimpedida (pois até o momento, realmente não vi nenhum esforço de Wes em tirá-la desse sofrimento, porque para mim oferecer dinheiro não é a solução.) e com um cara lindo e maravilhoso me querendo .. acho meio difícil rolar um "não".. mas enfim .. vamos continuar o enredo dos outros mês e ver o que vai rolar ... 


Com essa linda frase do francês gostosão ..
"NUNCA SE DESCULPE POR SE DEIXAR LEVAR PELA PAIXÃO."
vamos nos despedir de FEVEREIRO .. E IMAGINAR o que nos espera em Março..
e torce para que MIA.. consiga encontrar seu rumo e aprender a se AMAR ..

PARA TODOS .. ATÉ O PRÓXIMO ARTIGO .


Comentários

Postagens mais visitadas